22 de abril de 2017

MIGRAÇÕES

No programa das conferências internacionais de ”LISBOA 2017 – Capital Ibero-americana de Cultura” uma alusão ao romance A Selva, a Ferreira de Castro e à sua condição de emigrante na América do Sul. Achei curioso, penso que dá para ler na foto.
 

21 de abril de 2017

entre verdugos e patifes

«O meu António diz que em Lisboa não há senão duas espécies de gente: fanáticos e hipócritas; com os primeiros estão os verdugos da humanidade, com os outros estão os patifes.»

Camilo Castelo Branco, O Judeu [1866], Silveira, E-Primatur, 2016, p. 117.  

19 de abril de 2017

do princípio do mundo

ilustração de Bernardo Marques
«[...] Januário de Sousa, filho de Ana Maria e de pai incógnito, etc.; bastava deitar o rabo do olho à sua pele morena, lisa e macia, que nem a água passada a ferro na popa dos barcos, para se ver que ele não tinha mais de vinte anos, apesar de os seus olhos parecerem exaustos por não se sabia quantas madrugadas do princípio do mundo.»

Ferreira de Castro, A Experiência [1954] 11.ª ed., Lisboa, Cavalo de Ferro, 2014, pp. 9-10.

12 de abril de 2017

"pureza austera"


«O amor, a união e o trabalho de todos nós junto ao pai era uma mensagem de pureza austera guardada em nossos santuários, comungada solenemente em cada dia, fazendo o nosso desjejum matinal e o nosso livro crepuscular; [...]».




Raduan Nassar, Lavoura Arcaica (1975), Lisboa, Companhia das Letras, 2016, p. 23.

11 de abril de 2017

uma epígrafe de Alexandre Herculano

«Isto é grave, porque é atroz...» 


História da Origem e Estabelecimento da Inquisição em Portugal (1854-1859)


in Camilo Castelo Branco, O Judeu [1866], Silveira, E-Primatur, 2016.

8 de abril de 2017

FERREIRA DE CASTRO, "A EXPERIÊNCIA" E AS APSARÁS

«Frondoso dragão tatuado cobria-lhe inteiramente as costas, e nos braços, junto dos ombros, em posição de cariátides, viam-se duas mulheres nuas, de seios exagerados e em disco, como os das apsarás Quemeres.» - F. DE CASTRO, A Experiência.  Evocação das apsarás -- que o autor viu nas ruínas de Angkor, Cambodja (A Volta ao Mundo) --, na descrição das tatuagens da personagem "O Sábio".
 

6 de abril de 2017

5 de abril de 2017

uma epígrafe de Jorge de Lima

«Que culpa temos nós dessa planta
da infância, de sua sedução, de seu viço
e constância?»



(in Lavoura Arcaica, de Raduan Nassar)


4 de abril de 2017

A propósito de A Experiência de Ferreira de Castro


o início de O JUDEU, de Camilo Castelo Branco

«Há um fenómeno moral, muitas vezes repetido, e todavia inexplicável: é a esquivança desamorosa de mãe a um filho excluído da ternura com que estremece os outros, filhos todos do mesmo abençoado amor e do mesmo pai que ela, em todo o tempo, amara com igual veemência.»

Camilo Castelo Branco, O Judeu [1866], Silveira, E-Primatur, 2016, p. 13.